Introdução
 Continentes
 Geografia Física
   Cartografia
   Clima
   Relevo e Geologia
   Hidrografia
   Vegetação
   Meio Ambiente
 Geografia Humana
 Geografia Econômica
 Astronomia

 Jogo das Bandeiras
 Jogo das Capitais
 Colorindo a América
 Pintando o Brasil
 A Rosa dos Ventos
 Jogo das Populações

 Exercícios Resolvidos
 Provas On-line
 Provas de Vestibular

 Laifis de Geografia
 Área dos Professores
 Guia de Bandeiras
 Hinos Nacionais
 Mapas
 Curiosidades
 Atualidades
 Dicionário
 Estados Brasileiros
 Lugares Famosos
 Continentes e Oceanos
 Indicação de Livros
 Profissão Geógrafo
 Fusos Horários
 Links Interessantes

 
Busca Geral

 

Introdução

 

O que significa a palavra Geografia?

O termo Geografia surge das palavras gregas "geo" e "graphos", significando, respectivamente, Terra e escrever. Geografia é o estudo científico da superfície da Terra, com o objetivo de descrever e analisar a variação espacial de fenômenos físicos, biológicos e humanos que acontecem na superfície do globo terrestre.

 

É considerada uma das mais antigas ciências desenvolvidas pela civilização ocidental, trazendo seus conceitos básicos delineados na Grécia Antiga, onde esta se desenvolveu como ciência e método de pensamento filosófico. No início, era conhecida como História Natural ou Filosofia Natural. Podemos destacar Tales de Mileto, Heródoto, Eratóstenes, Hiparco, Aristóteles, Estrabão e Ptolomeu como grandes contribuintes no desenvolvimento dos estudos da Geografia.

 

Por que estudamos Geografia?

Estudar Geografia é uma forma de compreender o mundo em que vivemos. Através desse estudo, podemos entender melhor tanto o lugar onde vivemos (cidade, área rural) quanto o país do qual fazemos parte, bem como os demais países da superfície terrestre.

 

O conhecimento da Geografia também pode abranger o estudo de um povo, de uma civilização sobre um território; em última análise, a relação entre homem e natureza, mediada pelo trabalho, tendo como resultado o espaço geográfico. A Geografia é definida como ciência que estuda as relações entre sociedade e natureza. Sendo assim, o espaço geográfico é um produto histórico da atividade humana.

 

Símbolo da Geografia

A Esfera Armilar é universalmente consagrada como o símbolo do globo terrestre. Do mesmo modo, é também símbolo dos estudos geográficos. Seu criador foi Eratóstenes, que também foi o primeiro estudioso a empregar a palavra Geografia, em sua obra que recebeu esse nome.

 

Princípios da Geografia

No século XIX, com o surgimento da Geografia como ciência, se fez necessária a definição de princípios metodológicos, que lhe conferem o devido caráter científico. Os princípios formulados são:

  • Extensão - concebido por Friedrich Ratzel (1844-1904): todo fenômeno geográfico tem sua ocorrência em determinada porção do território, que pode ser delimitada.
  • Analogia - também chamado Geografia Geral, exposto por Karl Ritter (1779-1859) e Paul Vidal de La Blache (1845-1918): todo fenômeno geográfico deve ser comparado a outros do mesmo tipo, para se estabeleceram semelhanças e diferenças e facilitar sua compreensão.
  • Causalidade - formulado por Alexander von Humboldt (1769-1859): todo fenômeno geográfico tem uma ou mais causas, que devem ser buscadas e explicadas.
  • Atividade - formulado por Jean Brunhes (1869-1930): todo fenômeno geográfico tem um caráter dinâmico, portanto seu estudo deve compreender sua extensão e conexidade com o tempo, pois os fatos nunca estão isolados.
  • Conexidade ou interação, apresentado por Jean Brunhes (1869-1930): os fatos não são isolados, e sim inseridos num sistema de relações, tanto locais quanto interlocais.

Curta nossa página nas redes sociais!

 

 

Mais produtos

Sobre nós | Política de privacidade | Contrato do Usuário | Anuncie | Fale conosco

Copyright © 2007-2017 Só Geografia. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Virtuous.