Curvas de nível

As curvas de nível são linhas que unem pontos ou cotas de mesma altitude em intervalos iguais. Traçadas na carta, permitem a visualização da declividade (inclinação) do relevo.

Esse conceito apareceu na Holanda, no século XVIII, sendo usado para cartografar o fundo do rio Merwede, sendo um sistema matemático baseado em levantamentos geodésicos, no qual o marco zero metro é o mar.

Todas as curvas de nível em um mapa guardam entre si a mesma distância. Como a equidistância é constante, as curvas se acham mais próximas em zonas de terreno mais abrupto e mais distantes em terrenos mais suaves. Além das curvas de nível, é comum representarmos o relevo por cores hipsométricas.


Curvas de nível

Características das curvas de nível

  • A equidistância entre as curvas pode ser, de acordo com o caso, de 10, 20, 50 ou 100m.
  • As curvas mostram tanto a altitude como o formato do relevo.
  • Quando o relevo é muito abrupto, as curvas aparecem no mapa muito próximas umas das outras; quando o relevo é suave, aparecem mais distanciadas.
Os rios nascem nas áreas mais altas e correm para as áreas mais baixas.

Como referenciar: "Curvas de nível" em Só Geografia. Virtuous Tecnologia da Informação, 2007-2019. Consultado em 19/07/2019 às 09:11. Disponível na Internet em http://www.sogeografia.com.br/Conteudos/GeografiaFisica/Cartografia/content5.php