Atividades econômicas do Brasil (continuação)

Economias regionais

Cada região brasileira apresenta especificidades nas atividades econômicas, são elas:

Norte

A economia da região é baseada principalmente no extrativismo vegetal de produtos como madeira, látex, açaí e castanha. A atividade de mineração também é muito forte na região, principalmente extração de ferro, cobre e ouro. Merece destaque também a Zona Franca de Manaus.


Economia da Região Norte

Nordeste

A economia dessa região é bem diversificada, o turismo é muito forte, há uma grande presença de indústrias, agronegócio e exploração de petróleo. A cana-de-açúcar é o principal produto agrícola da região.


Cultivo de cana-de-açúcar na Região Nordeste. Produto agrícola que se destaca na economia da região

Centro-Oeste

A economia gira em torno da agropecuária (plantações de soja, milho, entre outros), pecuária bovina e indústrias.


A pecuária possui grande relevância para a economia da Região Centro-Oeste

Sudeste

Possui o maior parque industrial do Brasil. Abriga as maiores montadoras e siderúrgicas do país. Os serviços e o comércio são bem sofisticados e diversificados, além de representarem a principal atividade econômica da região.


Economia do Sudeste abriga as maiores montadoras de automóveis do país

Sul

A maior parte da economia da região sul decorre do setor de serviços. O ramo industrial é representado, principalmente, pelos setores metalúrgico, automobilístico, têxtil e alimentício. A agropecuária é bem forte na região.


Indústria têxtil, um dos destaques na economia da Região Sul

  

Como referenciar: "Economias regionais" em Só Geografia. Virtuous Tecnologia da Informação, 2007-2019. Consultado em 06/12/2019 às 21:20. Disponível na Internet em http://www.sogeografia.com.br/Conteudos/GeografiaHumana/Atividades/atividades2.php