Furacão - ciclone tropical

Os furacões são as mais violentas tempestades que ocorrem na Terra. As pessoas chamam essas tempestades por outros nomes, tais como tufões, tornados ou ciclones, dependendo de onde o furacão esteja sendo formado.

O termo científico para todas estas tempestades é ciclone tropical. Porém, dependendo de sua localização geográfica e de sua intensidade, os ciclones tropicais podem ganhar várias outras denominações, tais como furacão, tufão, tempestade tropical, tempestade ciclônica, depressão tropical ou simplesmente ciclone.

Muitos ciclones tropicais formam-se quando as condições atmosféricas em torno de uma perturbação fraca na atmosfera são favoráveis. Ocorrem onde o ar quente e úmido sobe para altas camadas da atmosfera, e o ar frio e seco desce novamente para superfície, causando a diminuição da pressão atmosférica na superfície.

O ciclone tropical funciona como um grande "aspirador", sugando o ar da superfície e expulsando-o em altas altitudes.


Furacão Katrina durante seu pico de intensidade, em 28 de agosto de 2005 / EUA

Existe uma escala baseada na velocidade dos ventos para medir as categorias de um ciclone. A medida é de 1 a 5, sendo que 5 é o mais devastador.

Categoria

Ventos em mph

Ventos em km/h

Altura / m

Pressão / hPa

Tempestade Tropical

35–73

56–117

-

-

1

74–95

119–153

1,2–1,6

Maior que 980

2

96–110

154–177

1,7–2,5

965–979

3

111–130

178–210

2,6–3,8

945–964

4

131–155

211–249

3,9–5,5

920–944

5

Mais que 155

Mais que 249

Mais que 5,5

Menor que 920


Nova Orleans (Louisiana, região Sul dos EUA) após a passagem do furacão Katrina

  

Como referenciar: "Furacão - ciclone tropical" em Só Geografia. Virtuous Tecnologia da Informação, 2007-2019. Consultado em 07/12/2019 às 14:49. Disponível na Internet em http://www.sogeografia.com.br/Conteudos/GeografiaFisica/Fenomenos/furacao.php