Sistema Solar

O Sistema Solar é constituído pelo Sol e pelo conjunto dos corpos celestes localizados no mesmo campo gravitacional.

Fazem parte do Sistema Solar os planetas, planetas anões, asteroides, cometas e os meteoroides (meteoritos).

Existem inúmeras teorias que tentam explicar como o Sistema Solar foi formado. Entretanto, a mais aceita é a da Teoria Nebular ou Hipótese Nebular, que diz que a formação do sistema se deu através de uma grande nuvem formada por gases e poeira cósmica, que em algum momento começou a se contrair, acumulando matéria e energia, dando assim origem ao Sol.

Os planetas realizam sua órbita em torno do sol de forma elíptica, cada qual com suas próprias características, como por exemplo, massa, tamanho, gravidade e densidade. Os planetas que estão mais próximos do sol possuem composição sólida, enquanto os planetas menos próximos possuem composição gasosa.

Entre os outros corpos celestes, os asteroides são menores que os planetas e são compostos por minerais não voláteis.

Os cometas são compostos por gelos voláteis que se estendem pelo núcleo, cabeleira e cauda. Meteoroides são compostos por minúsculas partículas que, ao chegarem ao solo, caso isso ocorra, recebem o nome de meteoritos. O Sistema Solar está contido na Via Láctea, que ainda abriga cerca de 200 bilhões de estrelas.

Planetas do Sistema Solar

Oito planetas orbitam em torno do Sol: Mercúrio, Vênus, Terra, Marte, Júpiter, Saturno, Urano e Netuno. Podemos classificar os planetas como sólidos ou gasosos, ou, mais especificamente, de acordo com suas características físico-químicas, como os planetas mais próximos do Sol sendo sólidos e densos, mas de insignificante massa; e os planetas mais distantes sendo gasosos massivos de baixa densidade.

Desde a sua descoberta em 1930 até 2006 Plutão foi considerado como o nono planeta do Sistema Solar. Porém em 2006, a União Astronômica Internacional criou a classificação de planeta anão. Atualmente, o Sistema Solar possui cinco planetas anões: Plutão, Eris, Haumea, Makemake, e Ceres. Todos são plutoides, com exceção de Ceres, localizado no cinturão de asteroides.

As massas de todos estes objetos constituem em conjunto apenas uma pequena porção da massa total do Sistema Solar (0,14%), com o Sol concentrando a maior parte da massa total do Sistema Solar (99,86%). O espaço entre corpos celestes dentro do Sistema Solar não é vazio, sendo preenchido por plasma proveniente do vento solar, bem como poeira, gás e partículas elementares, que constituem o meio interplanetário.

Como referenciar: "Sistema Solar" em Só Geografia. Virtuous Tecnologia da Informação, 2007-2018. Consultado em 19/11/2018 às 19:33. Disponível na Internet em http://www.sogeografia.com.br/Conteudos/GeografiaFisica/SistemaSolar/